Arthur Chioro participa da entrega da reforma do Trauma de João Pessoa

Arthur Chioro participa da entrega da reforma do Trauma de João Pessoa

A solenidade de entrega da reforma do Hospital Estadual de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena promovida Governo do Estado, nesta sexta-feira (14), às 9h30, em João Pessoa, vai contar com a participação do ministro da Saúde, Arthur Chioro. O ministro petista fará uma visita às novas instalações do hospital, juntamente com o governador Ricardo Coutinho. A unidade hospitalar recebeu investimentos na ordem de aproximadamente R$ 6 milhões, sendo R$ 2 milhões voltados para os serviços e aproximadamente R$ 4 milhões na aquisição de equipamentos.

Médico e pesquisador especializado em saúde coletiva, Arthur Chioro, segundo mandato da presidente Dilma Rousseff. Com o compromisso de defender e aprofundar as medidas inauguradas com Mais Médicos, principal programa da petista no atendimento público à população pobre, Chioro chegou ao governo federal sob a indicação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva após passagem pela Secretaria de Saúde de São Bernardo, entre 2008 e 2013. Antes, já havia trabalhado no Ministério da Saúde como diretor do Departamento de Atenção Especializada entre 2003 e 2005. 

A evento marca os 14 anos do complexo hospitalar e os 430 anos da Capital paraibana. Com a melhoria, o Hospital de Trauma vai ganhar 31 novos leitos além de diversos equipamentos, com destaque para 50 monitores multiparâmetro, 20 macas tipo stryker, 16 poltronas reclináveis, 14 ventiladores mecânicos multiprocessador, 13 macas em inox com rodas, 11 camas leito tipo UTI-Fowler, 10 cufômetros. Cinco aspiradores portáteis e cinco carros de parada, cinco perfuradores Stryker, dois eletrocardiógrafos, dois aparelhos de anestesia drager, dois conjuntos de craniótomo e drill pneumático, um dermato e um stimuplex, entre outros.

A reforma

As obras do Governo do Estado duraram três meses e ampliaram o Setor de Urgência e Emergência, aumentando a capacidade atual. Além da construção do acolhimento familiar, reforma da Central de Material e Esterilização (CME) e Nutrição Enteral, adequação e criação de mais postos de enfermagem e espaços de convivências.

Durante a reforma, iniciada no final de maio, foi instalado o Hospital de Campanha do Exército, que atendeu os casos de média e alta complexidade na unidade de saúde. Na época, foram disponibilizados dois módulos articulados, com capacidade de instalar uma média de 50 leitos, além de possuir posto de enfermagem e equipamentos como respirador mecânico, carro de parada, desfibrilador, entre outros.

 

 

Click PB