Anastácio diz que eleição de 2016 vai ser difícil para Cartaxo e aponta que PT precisa ‘juntar os cacos’

Anastácio diz que eleição de 2016 vai ser difícil para Cartaxo e aponta que PT precisa ‘juntar os cacos’

Para o deputado petista, Frei Anastácio, dizer que a administração do prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PT), é ruim, seria injusto, porém afirmou que está “na hora” de o partido fazer uma avaliação, pois está há dois anos no governo e a imprensa e as ruas estão fazendo reclamações. Ele também afirmou que a eleição de 2016 vai ser difícil e conta que o PT tem que “juntar os cacos”.

Anastácio usou do fato de não ter cargos no estado nem na prefeitura para falar da importância de manter a independência na Assembleia Legislativa e em relação a Cartaxo. Quanto a avaliação da gestão do petista na Capital, Anastácio afirmou apenas que não é ele quem faz avaliação, mas sim o partido.

“Já está com dois anos, as rádios estão aí batendo, colocando determinadas questões, tenho ouvido a própria imprensa e nas ruas também reclamações, mas não quero dizer que a administração é ruim, se for dizer serei injusto, mas pelo que ouço precisa avaliar… E outra coisa é questão do partido”, diz.

O petista aproveita para alfinetar a própria casa afirmando que o Partido dos Trabalhadores “está sendo administrado por um grupo que vive de benesses do estado e do município” e acrescenta: “Por isso o partido está esfalecendo”, diz.

“Agora temos problemas de defender o PT, tem que juntar os cacos também, muita gente que votou na eleição de Cartaxo hoje está rompido e criticando, então para uma reeleição ano que vem, a direção estadual e o próprio prefeito como liderança maior, precisam juntar os cacos. Não será fácil a eleição”, afirma.

O deputado ainda vê que o PSB e o PMDB terão candidatura “aí o PT quem toca as coisas é a militância e se enrolar o lençol é difícil de se ganhar a eleição”, conclui.

 
 
Marília Domingues/Adelton Alves