AIJE contra Ricardo é registrada no TRE por uso da máquina na campanha e Luis Torres rebate: 'é uma piada'

AIJE contra Ricardo é registrada no TRE por uso da máquina na campanha e Luis Torres rebate: 'é uma piada'

A coligação ‘A Vontade do Povo’ encabeçada pelo candidato do PSDB ao governo do Estado, Cássio Cunha Lima moveu a primeira Ação de Investigação Judicial Eleitoral (AIJE) do Estado da Paraíba nestas eleições contra o governador Ricardo Coutinho (PSB).


A Ação foi proposta no dia 8 no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) e acusa o governador de nomear comissionados baseando-se em critérios político-eleitorais; demissão e contratação de servidores protempores e contratados em período eleitoral e utilização de servidores público em prol da campanha do governador.


De acordo com o advogado da coligação, Fábio Brito, afirmou que ainda não tem conhecimento do processo. Já o secretário de Comunicação da Paraíba, Luis Torres, classificou a ação como ‘piada’ e afirmou que Cássio ‘não tem autoridade para falar do uso da máquina’ já que o tucano foi cassado na eleição de 2006. Ele também aproveitou para acusar a prefeitura de Campina Grande, gerida pelo primo de Cássio, o também tucano, Romero Rodrigues, de aumentar a folha de pessoal.


O relator do processo é o juiz Tércio Chaves, essa ação já tramita no TRE-PB e pede a cassação do diploma de Ricardo e a inelegibilidade em caso de procedência da Ação.

 
 


Redação