Aécio teria usado aeronaves oficiais após deixar governo em MG

Aécio teria usado aeronaves oficiais após deixar governo em MG

O senador Aécio Neves (PSDB-MG) continuou utilizando aeronaves oficiais em pelo menos seis ocasiões depois que deixou o governo de Minas Gerais, em 2010. As informações são da Folha de S. Paulo. De acordo com o jornal, os voos aconteceram entre 2011 e 2012, quando ele já havia assumido o mandato de senador.

Ainda segundo a publicação, o tucano usou helicópteros do Estado para se deslocar em Belo Horizonte em cinco ocasiões (entre o Palácio da Liberdade, o Palácio Tiradentes e o Palácio das Mangabeiras) e um jato para ir até Brasília. As viagens foram registradas em relatórios do Gabinete Militar.

Procurado, Aécio alegou que usou as aeronaves três vezes por estar em "missões oficiais" a pedido do então governador Antonio Anastasia (PSDB). Ele citou ainda outras autoridades que voaram em helicópteros do Estado em missão oficial, como o presidente do BNDES, Luciano Coutinho, e o deputado federal Arlindo Chinaglia (PT-SP). Os outros três voos, no entanto, não foram justificados.

 

 

 

Terra