Aécio oficializa Cássio para líder do PSDB no Senado

Aécio oficializa Cássio para líder do PSDB no Senado

Em reunião da bancada, na liderança do PSDB no Senado, nesta tarde de sábado, 31, véspera da eleição para a Presidência da Casa, Cássio Cunha Lima (PB) teve a sua indicação para líder oficializada pela unanimidade dos votos.

O senador paraibano divulgou a informação pelo próprio twitter (@cassiocl): "Acabo de ser eleito, por aclamação, líder do PSDB no Senado. Honra imensa liderar uma bancada da maior qualidade".

UNANIMIDADE - Logo depois, o presidente nacional do PSDB, senador Aécio Neves (MG), saiu da sala e anunciou à imprensa: "O PSDB acaba de decidir por unanimidade que, depois do excelente trabalho desempenhado pelo ex-líder, senador Aloysio Nunes Ferreira (SP), o novo líder do partido no Senado será o senador paraibano Cássio Cunha Lima. Trata-se de um senador qualificado, ex-governador da Paraíba, jovem, experiente, tribuno extraordinário e articulador político de enorme sensibilidade, que dará sequência, com igual brilhantismo, ao trabalho do senador Aloysio Nunes. Posso garantir que o PSDB terá atuação combativa e qualificada".

NOVOS VENTOS - Ao lado do senador Luiz Henrique (PMDB-SC), que disputa a presidência da Casa na eleição marcada para amanhã, Aécio disse que a bancada do PSDB fechou apoio à candidatura do peemedebista e informou que a opção pelo seu nome "se deve à oxigenação do processo legislativo e conta com apoio integral do PSDB. O nome do senador Luiz Henrique é uma opção pela mudança na democratização dos espaços institucionais. Não é uma candidatura da oposição. É uma candidatura da instituição para mudar o que precisa ser mudado".

O senador Luiz Henrique disse que a sua candidatura é uma vitória da mudança "contra o continuísmo" e assegurou: "Ninguém é capaz de segurar o vento. E o vento da mudança está aí". A eleição para a Presidência do Senado está marcada para amanhã, depois da solenidade de posse dos novos senadores, que está marcada para às 15 horas.

 

 

 

Assessoria