Adriano Galdino quer implantar Orçamento Democrático em Campina Grande

Adriano Galdino quer implantar Orçamento Democrático em Campina Grande

O pré-candidato à prefeito de Campina Grande e presidente da Assembleia Legislativa da Paraíba, Adriano Galdino, garantiu nesta terça-feira (12) que vai implantar o Orçamento Democrático em Campina. A declaração de Adriano foi feito durante participação a um programa de rádio da Capital.

"O Orçamento Democrático é uma ferramenta importantíssima, onde as pessoas têm a oportunidade de conversar com o gestor, pleitear suas prioridades e participar de forma direta da gestão. Quando eleito prefeito irei, com certeza, levar essa importante iniciativa para Campina", pontuou.

Ainda segundo Adriano, é preciso humanizar o setor de saúde de Campina e levar um choque de gestão baseada na administração do governador Ricardo Coutinho."O povo tem que ser respeitado e atendido na maneira que merece. Vamos fazer despesas com responsabilidade e pagar a quem deve. Além disso, vamos tornar, com nossa administração, uma Campina mais humana, solidária e mais justa pra todos".

O pré-candidato lembrou ainda que a maior reclamação da população de Campina é na área de saúde, que passa por um colapso na cidade."Meu plano de governo será enxuto, mas dentro da realidade da Prefeitura de Campina. vou tomar conhecimento da situação para que possamos para tocar os projetos dentro da realidade", salientou.

Sobre o projeto que o Partido Socialista Brasileiro (PSB) implantou no Estado com o governador Ricardo Coutinho, Adriano Galdino salienta que a gestão estadual conseguiu um modelo administrativo aprovado pela Paraíba e sua maior obra é ter conseguido o equilíbrio fiscal e financeiro da Paraíba, porque assim ele conseguiu fazer dezenas de obra em todo o Estado.

Adriano também destacou a plenária que realizou ontem no bairro de Santa Rosa. "Tivemos muita gente prestigiando e isso me deu a oportunidade 
de dialogar com a população. Além disso, sou um pré-candidato diferente, porque eu planejo minhas ações visando fazer uma Campina mais justa para todos", ressaltou.

Com relação a alianças políticas em torno de sua candidatura, o pré-candidato relatou que está conversando com os partidos coligados, que sua pretensão seria colocar a ex-primeira-dama de Campina, Ana Cláudia Vital do Rêgo, na vice da chapa. "Meu desejo era ter o PMDB na vice da minha chapa, mas estamos dialogando e alguns partidos já se colocaram ao meu lado, na prerrogativa de apoio e indicar um nome para a vice", concluiu.

 
 
 
 
Assessoria