Adalberto Fulgêncio celebra ano produtivo na Articulação política e comemora adesão de PV e PC do B à gestão Cartaxo

Adalberto Fulgêncio celebra ano produtivo na Articulação política e comemora adesão de PV e PC do B à gestão Cartaxo

O secretário de Articulação Política da Prefeitura de João Pessoa, Adalberto Fulgêncio, comemorou o encerramento do ano de 2014 como sendo um ano bastante positivo para a prefeitura.

“Fechamos o ano bem. Terminamos com uma boa imagem, tanto do governo quanto do gestor. Nosso prefeito se mostrou um verdadeiro prefeito de rua e de gabinete, que tanto faz a política interna de gestão quanto o contato e o diálogo com a sociedade”, declarou o secretário.

Entre as vitórias que marcam o final deste ano estão a adesão  do PC do B e do PV à base governista municipal.

“Temos uma boa relação com partidos aliados. Estamos recebendo estes dois partidos, com o sargento Denis assumindo a secretaria adjunta do Meio Ambiente e a Marília França atuando como nova coordenadora de juventude”, explicou.

Ele ainda comemorou a adesão completa do deputado federal Luiz Couto. “O PT está mais unido, com Luiz Couto fazendo a defesa da prefeitura”, declarou.

Câmara Municipal - Na relação com a Câmara Municipal, Adalberto destacou o diálogo com o legislativo paraibano. “Esta relação partidária está fortalecida. Um conjunto bom de vereadores nos dá apoio. Esta relação política do prefeito com a Câmara é construtiva”, revelou.

Movimentos sociais - As relações com movimentos sociais tem sido, também, muito bem vista. “Estas pessoas que estamos escolhendo para a representação destes grupos sociais são ligadas e avalizafas pelos movimentos sociais e vão cumprir um papel importante de esquematizar as diversas políticas públicas voltadas para minorias”, explicou.

As instituições que atuam em outras esferas de governo também tem sido parceiras daa gestão Cartaxo. “Para aprovar um projeto da Lagoa, por exemplo, precisa de muito diálogo com instituições e órgãos públicos de outras esferas de governo e você precisa ter uma boa influência política. O governo se relaciona positivamente com estes outros setores. Isso traz para nossa gestão um potencial muito grante para termos um grande dinamismo no terceiro ano do governo”, concluiu.


 


João Thiago