5 x 0: Real Madrid goleia na estreia de Zinedine Zidane

5 x 0: Real Madrid goleia na estreia de Zinedine Zidane
Foi uma grande estreia. Da beira do campo do Estádio Santiago Bernabéu, Zidane viu uma exibição de gala em sua primeira partida como técnico: Real Madrid 5 a 0 no La Coruña.
 
O início da nova era teve dois nomes como personagens principais: Bale e Benzema. O primeiro marcou três vezes, enquanto o francês fez dois gols. Cristiano Ronaldo deu passe para um dos gols de Bale e acertou a trave após uma cabeçada.
 
O resultado deixa o Real Madrid com 40 pontos, novamente a dois do Barcelona, que venceu por 4 a 0 o Granada também neste sábado. Em segundo está o Atlético de Madrid, que tem 41, mas encara o Celta, em Vigo, neste domingo. O La Coruña segue em oitavo, com 27.
 
Desde o início, dava para se notar um Real Madrid diferente, aparentemente com mais vontade e disposição do que com Rafa Benítez.
 
Os jogadores seguiam à risca os pedidos de Zidane, que teve apenas uma semana para treinar o time. Uma mudança foi a presença de Isco como titular, na vaga de James Rodríguez.
 
ATAQUE E DEFESA
 
Durante a semana, Zidane alertava que a melhor forma de não ser atacado era ter a posse de bola. E o Real seguiu as recomendações do comandante. Outra grande mudança pode ser vista no trio BBC. Os três atacantes eram comumente vistos na defesa, marcando os adversários. Destaque para Gareth Bale, o mais participativo. Não apenas pelos gols, mas pela disposição em defender e atacar.
 
Zidane ainda precisa acertar a marcação do meio de campo do Real Madrid. Apesar do placar dilatado, o La Coruña teve algumas chances para colocar a bola na rede. A primeira delas logo aos dez, quando o perigoso Lucas Pérez chutou, para grande defesa de Navas. Logo em seguida, veio o castigo para os visitantes. Em cobrança de escanteio, Sergio Ramos chutou e Benzema, de calcanhar, fez um golaço.
 
A pintura do francês lembrou as grandes jogadas do treinador quando era jogador, com classe e simplicidade em campo. Assim estava o Real Madrid, com o dedo de Zidane. Aos 22, Carvajal chegou com grande liberdade pela direita e cruzou na medida para Bale testar para o gol. Era o início do show do galês.
 
Cristiano Ronaldo também queria o dele. O português tentou de diversas formas, mas a bola não queria entrar. Ele chegou a colocar uma na trave, após lindo cruzamento de Bale. O goleirão Lux já estava batido.
 
Na volta do intervalo, o Real Madrid não deu chances para qualquer reação do La Coruña. Logo aos três minutos, Cristiano Ronaldo cruzou da direita e Bale, à la Zidane, finalizou de chapa para fazer o terceiro.Bale estava infernal. Quando não era visto na defesa ajudando os companheiros, estava dentro da área do La Coruña. E ali, foi mortal. Kroos bateu escanteio e o galês cabeceou para o fundo do gol.
 
 
Já Cristiano Ronaldo... O português foi bem na movimentação, entrega e assistências, mas nas finalizações não foi eficaz. Teve mais algumas chances de marcar, a última delas após cruzamento de Marcelo. Mas não era dia dele.
 
Até quando se enrolou no ataque, deu certo para o Real. Ele recebeu cruzamento de Jesé, tentou dominar, mas a bola sobrou para Benzema fuzilar o goleiro Lux.
 
Show do Real. Se não pode pedir música, Bale levou a bola para casa. Não antes de cumprimentar Zidane, o estreante da noite, que fez o time merengue jogar com classe.
 
 
 
 

Folha de São Paulo