36 deputados eleitos são diplomados pela Justiça Eleitoral em solenidade no Espaço Cultural

36 deputados eleitos são diplomados pela Justiça Eleitoral em solenidade no Espaço Cultural
A diplomação dos 36 deputados, eleitos este ano, aconteceu na tarde desta quarta-feira (17), durante sessão do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-PB). A cerimônia ocorreu no Teatro Paulo Pontes, do Espaço Cultural José Lins do Rêgo.
 
Com a diplomação, o Tribunal encerrou o processo eleitoral, declarando oficialmente o nome do governador, da vice-governadora, do senador e dos deputados federais e estaduais que exercerão os próximos mandatos, além dos suplentes.
 
 "Este dia representa muito para todos os parlamentares escolhidos pelo povo. É gratificante, para um político, chegar até aqui em um momento em que nós fomos diplomados sem nenhuma pendência, sem nada que venha a denegrir a imagem de qualquer um dos deputados", disse o presidente da ALPB, Ricardo Marcelo (PEN).
 
O presidente do Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba, desembargador Saulo Benevides, ressaltou a finalização do processo eleitoral. 
"Este é um momento importante para o TRE, pois há mais de um ano planejamos esta eleição. Visitamos todo o Estado examinando os problemas que sempre persistem durante os processos eleitorais. Esta foi uma das eleições mais tranquilas. Ainda bem que chegamos a este momento com bastante êxito", explicou o presidente do Tribunal.
 
A cerimônia contou com a participação dos membros do TRE, de representantes do Ministério Público Eleitoral, além de autoridades convidadas, familiares e amigos dos diplomados.
 
Para receber o diploma, os eleitos precisaram estar com o registro de candidatura deferido e as contas de campanha julgadas.

 
Os 36 deputados estaduais que vão tomar posse no próximo ano são:
 
Ricardo Marcelo (PEN), Doda de Tião (PTB), Manoel Ludgério (PSD), Daniella Ribeiro (PP), João Henrique (DEM), Edmilson Soares (PEN), Adriano Galdino (PSB), José Aldemir (PEN), Jutay Meneses (PRB), Raniery Paulino (PMDB), Gervásio Maia (PMDB), João Gonçalves (PSD), Lindolfo Pires (DEM), Branco Mendes (PEN), Tião Gomes (PSL), Caio Roberto (PR), Anísio Maia (PT), Frei Anastácio (PT), Trocolli Júnior (PMDB), Arnaldo Monteiro (PSC) e Janduhy Carneiro (PTN).
Além de Nabor Wanderley (PMDB), Dinaldinho (PSDB), Estela Bezerra (PSB), Galego Sousa (PP), Bruno Cunha Lima (PSDB), Camila Toscano (PSDB), Tovar Correia Lima (PSDB), Buba Germano (PSB), Renato Gadelha (PSC), Zé Paulo (PC do B), Jeová (PSB), Inácio Falcão (PTdoB), João Bosco Carneiro Júnior (PSL), Genival Matias (PTdoB) e Ricardo Barbosa (PSB).

 


Redação com Assessoria