13º BPM recebe pela primeira vez, prêmio por redução de criminalidade no Vale do Piancó

13º BPM recebe pela primeira vez, prêmio por redução de criminalidade no Vale do Piancó
A intensificação do policiamento no Vale do Piancó paraibano proporcionou resultados favoráveis no tocante ao combate a criminalidade, conforme os dados fornecidos pela Seção de Planejamento e Operações do 13º BPM, no segundo semestre de 2015, houve uma redução de mais de 30% na taxa de homicídios comparado com o mesmo período de 2014.
 
Outros delitos também tiveram redução, a exemplo de tentativas de homicídio, furtos, lesões corporais, entre outros.
Em virtude da realização constante de abordagens e do investimento na parte de inteligência, a Unidade bateu recorde no combate a criminalidade no ano de 2015, com 107 apreensões de armas de fogo e 40 de entorpecentes (entre crack, maconha e cocaína), 57 cumprimentos de mandados de prisão, e recuperação de 23 veículos furtados.

Foram registradas 1.121 operações policiais na Área do 13º Batalhão, que resultaram na prisão de 1.020 pessoas e na apreensão de 126 menores, totalizando o número de 1.146 infratores encaminhados a Justiça em virtude da prática de ilícitos.
 
A redução no número de homicídio no segundo semestre de 2015, fez com que os policiais da Unidade sediada em Itaporanga, recebessem pela primeira vez o Prêmio Paraíba Unida pela Paz – PPUP – I, o qual faz parte da Política de Segurança Pública do Governo do Estado, e consiste em uma bonificação financeira paga a oficiais e praças das Unidades que conseguem reduzir pelo menos 10% no numero de homicídio, na respectiva comparação semestral entre o ano atual e o ano anterior, conforme Lei nº 10.327/2014; de acordo com o diploma legal, os policiais receberam a bonificação financeira já nos vencimentos de Janeiro.
 
Outro ponto relevante no tocante à segurança publica na região, é o fato de que na cidade de Piancó não foi registrado nenhum homicídio no ano de 2015, sendo uma evidência, já que no histórico recente dessa cidade nunca foi observado um período de pacificação tão longo; de acordo com o Capitão Sampaio, que comanda a 3ª Cia, “a localidade está há 14 meses sem registro de assassinato, isso se deve aos investimentos e gerenciamento, de forma que dobramos o número de viaturas nas ruas, criamos a ROTAM (Rondas ostensivas com Apoio de Motocicletas) seguindo as diretrizes do comando do 13º BPM, intensificando revistas a pessoas e a veículos e a rápida resposta as ocorrências, com a prisão de criminosos”.
 
Já na Área da 2ª Cia, sediada na cidade de Conceição, tendo a frente o Capitão Kleber, no ano de 2015 houve uma redução na taxa de homicídios de 42,85% em relação ao ano de 2014;“quero ressaltar a participação efetiva dos homens e mulheres de bem da nossa região, os quais no afã de vivenciarem dias de paz, participaram, sobretudo nos últimos meses, intensamente nessa árdua missão de fazer segurança pública, denunciando e ajudando a PMPB a desenvolver seu mister”, disse o Oficial.

Já o Major Guedes reiterou que; “Foi um ano de muitas dificuldades, no entanto os investimentos do Governo do Estado em viaturas, armamentos e equipamentos, aliados a dedicação e empenho profissional dos militares que fazem o 13º Batalhão, fizeram com que pudéssemos fechar o ano com números satisfatórios, ademais já estamos fazendo uma avaliação dos pontos positivos e negativos no ano de 2015 para planejar as ações de 2016”.
 
 
 
 
 
Assessoria