13º BPM tem a sua área de atuação ampliada e passar a contar com Emas e Catingueira

13º BPM tem a sua área de atuação ampliada e passar a contar com Emas e Catingueira

Agora, as Polícias Militar e Civil possuem a mesma área de responsabilidade. Desde a semana passada, de fato e de direito, os municípios de Catingueira e Emas (antes pertencentes ao 3º BPM de Patos) passaram a integrar a área de atuação do 13º BPM – Itaporanga.

 

Com a mudança, o 13º Batalhão de Polícia Militar e a 17ª Delegacia Seccional de Polícia Civil (antiga 6ª DRPC) passam a ser responsáveis pela mesma área de atuação, que conta agora com 20 municípios, localizados no Vale do Piancó.

 

Antes, as áreas da Polícia Civil e Militar não coincidiam. A 17ª DSPC tinha 19 municípios (Catingueira não fazia parte) e o 13º BPM contava com 18 municípios (Emas e Catingueira não faziam parte).

 

O objetivo principal do Governo do Estado é fazer com as duas polícias trabalhem na mesma delimitação territorial, facilitando a integração e a definição de responsabilidades.

 

O novo mapa da segurança pública no Vale do Piancó, possui área de atuação das Polícias Militar e Civil, que passa a ser denominada de 17ª Área Integrada de Segurança Pública (17ª AISP) e contará também com a participação do Ministério Público.

 

O comandante do 13º BPM, major Jurandy Pereira Monteiro, destacou como um avanço importante a integração das polícias no Estado e uma maior articulação com o Poder Judiciário e o Ministério Público.

 

 

Periodicamente serão realizadas reuniões envolvendo as instituições Polícia Militar, Polícia Civil e Ministério Público, com o objetivo de se fazer um diagnóstico da situação na região, o planejamento de operações e a execução das ações de segurança pública, tudo feito com foco em resultados alcançados.

 

Representantes da 17ª AISP: Major Jurandy (Polícia Militar), Dr. Gleberson  Polícias Civil e Dr. Uirassu de Melo Medeiros (Ministério Publico).

 

 

Fonte: DiamanteOnline/Centro de Operações da Polícia Militar - 13º BPM