Programa de crédito para famílias do Minha Casa já tem 100 mil contratos

12/07/2013 16:00

Mais de 100 mil famílias já contrataram financimento para aquisição de móveis e eletrodomésticos através da linha de crédito Minha Casa Melhor, informou nesta sexta-feira (12) a Caixa Econômica Federal.

O programa foi lançado em 12 de junho pelo governo federal para os beneficiários do Minha Casa. A linha de crédito é de R$ 18,7 bilhões e a estimativa é que 3,7 milhões de lares.. Cada família poderá financiar até R$ 5 mil com taxa de juros de 5% ao ano e prazo de 48 meses para pagamento.

Segundo a Caixa, que atua como agente financeiro da operação, em apenas um mês o valor total contratado passa de R$ 500 milhões.

O banco estatal informou que a faixa formada por famílias com renda de até R$ 1,6 mil  concentra 80% das contratações.

“Estamos conseguindo atingir pessoas que tinham muita dificuldade de conseguir crédito barato no mercado. Hoje, essas famílias conseguem comprar uma lavadora de roupas automática pagando pouco mais de R$ 20 por mês”, afirmou o diretor executivo de cartões da Caixa, Mário Ferreira Neto.

Os beneficiários do Minha Casa podem contratar a linha de crédito a partir da entrega das chaves. "Estão habilitadas a participar todas as famílias adimplentes no programa. O limite de financiamento é de R$ 5 mil e as prestações são pagas em até 48 meses. O crédito fica disponível por até 12 meses. A taxa de juros única é de 5% ao ano, e as prestações podem ser pagas por boleto bancário ou débito em conta", informa a Caixa.

O governo estipulou um preço máximo para cada produto que o beneficiário queira adquirir por meio da linha de financiamento. O produto com maior limite de preço é a TV digital, que pode chegar a R$ 1.400, e o de menor limite é a mesa com cadeiras, que pode chegar a R$ 300.

A contratação do Minha Casa Melhor poderá ser feita pelo telefone 0800-726-8068 ou nas agências da Caixa Econômica Federal. O cartão magnético poderá ser utilizado em 13 mil lojas credenciadas em todo o país, que estão listadas no site www.minhacasamelhor.com.br

Fonte: G1