Mais de 3 mil municípios têm renda menor que salário mínimo

29/07/2013 15:53

Dinheiro: feirante conta notas de realEm 3.079 municípios brasileiros, a renda mensal per capita não alcança nem um salário mínimo. Essa é uma das conclusões possíveis com o estudo Atlas do Desenvolvimento Humano no Brasil 2013, divulgado hoje pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD).

As informações de 5.565 municípios foram estudadas em parceria com o Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA) e a Fundação João Pinheiro, com base no Censo Demográfico do IBGE.

O estudo trouxe a renda média per capita dos municípios brasileiros em 2010. Naquele ano, o salário mínimo era de 510 reais. Pelo estudo, é possível observar que 3.079 municípios tinham um rendimento mensal por pessoa abaixo desse valor. Desses, o menor rendimento ficava em Marajá do Sena (Maranhão), em 96,25 reais.

Confira os dez municípios com a menor renda per capita média em 2010:

Município Estado Renda per capita média
Marajá do Sena Maranhão R$ 96,25
Fernando Falcão Maranhão R$ 106,99
Belágua Maranhão R$ 107,14
Cachoeira Grande Maranhão R$ 110,65
Amajari Roraima R$ 121,32
Santo Antônio do Içá Amazonas R$ 122,21
Uiramutã Roraima R$ 123,16
Serrano do Maranhão Maranhão R$ 123,44
Humberto de Campos Maranhão R$ 125,91
Jenipapo dos Vieiras Maranhão R$ 127,24

Além dos 3.079 municípios onde a renda per capita não superava os 510 reais do salário mínimo nacional de 2010, outros nove tinham uma renda quase igual a essa valor. Confira:

Município Estado Renda per capita média
Fernão São Paulo R$ 510,09
Tejupá São Paulo R$ 510,13
Itararé São Paulo R$ 510,20
Boa Vista da Aparecida Paraná R$ 510,39
Marilândia Espírito Santo R$ 510,91
Maripá de Minas Minas Gerais R$ 510,92
Selvíria Mato Grosso do Sul R$ 510,94
Recreio Minas Gerais R$ 510,95
Trajano de Moraes Rio de Janeiro R$ 510,96

Muito abaixo do necessário

Se o valor da renda média mensal desses 3.079 municípios já está abaixo do salário mínimo nacional estabelecido, fica ainda mais distante do valor mínimo necessário para cobrir despesas básicas.

O Departamento Intersindical de Estatísticas e Estudos Socioeconômicos (Dieese) elabora mensalmente uma pesquisa que, com base em uma cesta básica de produtos, estabelece o valor que o salário mínimo nacional deveria ter.

No ano de 2010, ao qual se refere a pesquisa divulgada hoje, o valor sugerido pelo Dieese variou entre 1.987,2 reais em janeiro e 2.257,52 reais em abril, segundo a série históricamantida pelo departamento. Confira:

Referência Salário mínimo nominal Salário mínimo necessário
jan/10 R$ 510,00 1987,26
fev/10 R$ 510,00 2003,3
mar/10 R$ 510,00 2159,65
abr/10 R$ 510,00 2257,52
mai/10 R$ 510,00 2157,88
jun/10 R$ 510,00 2092,36
jul/10 R$ 510,00 2011,03
ago/10 R$ 510,00 2023,89
set/10 R$ 510,00 2047,58
out/10 R$ 510,00 2132,09
nov/10 R$ 510,00 2222,99
dez/10 R$ 510,00 2227,53

Fonte: Exame.com